Apple Stores encerradas nos EUA até maio

coronavírus Apple

Tendo em conta a atual situação vivida em todo mundo devido ao Covid-19, muitas foram as empresas que decidiram fechar a sua atividade. Nesse sentido, a Apple decidiu encerrar as suas Apple Stores nos EUA até ao mês de maio.

A situação não está fácil e todos os cuidados são poucos! Em Portugal e no mundo, são muitas as medidas que procuram evitar contágios de Coronavírus. Inicialmente, a Apple encerrou as suas lojas na China, onde o surto teve início, mas devido à proliferação do vírus, decide fechar noutros países!

Assim Deirdre O’Brien, Vice-presidente Sénior de Retalho e Pessoas da Apple, informou desta decisão. Segundo a Bloomberg, a Apple planeia manter encerradas todas as suas lojas até maio. No entanto, a Maçã quer manter padrões de trabalho flexível quando isso for possível, principalmente para todos os funcionários que tenham filhos a cargo. Nessa entrevista, O’Brien afirma que a companhia se mantém atenta a todos os progressos e condições das suas instalações, bem como normas dos especialistas da Saúde, de modo a tomar decisões conscientes e sempre a favor da Saúde pública.

Assim, as medidas tomadas pela Apple no âmbito do novo Coronavírus, na China e no resto do mundo, têm sido vistas com bons olhos por parte da comunidade. Aliás, Ron Johnson, ex Vice-presidente Sénior do Retalho da Apple, elogia todas as decisões tomadas. Segundo ele, o facto de a empresa da maçã decidir fechar as suas lojas logo no início do surto, permitirá retomar a atividade mais cedo.

Embora as Apple Stores estejam fechadas, a sua loja online encontra-se em perfeito funcionamento. Isto dará uma margem maior para que as lojas físicas se mantenham encerradas pelo tempo considerado necessário. No entanto, esta epidemia já fez as vendas de iPhones caírem 60%, como podes ver aqui.

Estamos a atravessar uma fase complicada, todos! Por isso, #stayhome.


Via MacMagazine

2 Shares: