Novo Coronavírus faz vendas de iPhones caírem 60% na China

Vendas iPhone caem na China

O impacto que o novo Coronavírus Covid-19 tem tido na economia mundial é inegável e a Apple não é exceção, com as vendas de iPhones a caírem 60% na China.

Os dados são relativos ao mês de fevereiro e mostram que a Maçã terá vendido cerca de 500 mil unidades de iPhone. Em comparação, as vendas de iPhones no ano passado na China foram de cerca de 1,27 milhões de unidades.

Aliás, a Apple já tinha avisado para este efeito recentemente. No mês passado, a empresa reviu em baixa a sua orientação dos resultados financeiros para o segundo trimestre fiscal do ano. Isto deveu-se muito à quebra acentuada das vendas de iPhones (e não só) no mercado asiático, em particular a China. Isto porque a maioria das Apple Stores tiveram que fechar temporariamente.

No entanto, as lojas de retalho na China já recomeçaram a abrir nas últimas semanas, mas deverá levar algum tempo até que as vendas de iPhone retomem os valores “normais”.

Por fim, saberemos o real impacto desta situação em abril, quando a Apple anunciar os seus resultados financeiros relativos a este período.


Via 9to5Mac
3 Shares: