Deep Fusion a chegar aos iPhones 11

A Apple vai lançar ainda hoje (1/10) os testes da sua nova funcionalidade Deep Fusion dos iPhones 11, avança o The Verge. Deep Fusion chegará num novo update beta do iOS 13, que estará disponível para os programadores.

Este novo recurso da câmara vai recorrer ao processador Neural para processar as fotografias tiradas com o iPhone. O objetivo deste novo processamento é entregar mais detalhe nas fotografias, principalmente aquelas tiradas em ambientes de baixa luminosidade.

Se és utilizador de um iPhone anterior, como os XS ou X, nem vale a pena começares a fazer a festa que este recurso só estará disponível nos novos iPhones – 11, 11 Pro e 11 Pro Max.

Isto por causa do super avançado processador A13 Bionic, com um novo processador neural que possibilita o processamento das imagens em tempo real. Phil Schiller, VP de marketing mundial da Apple, chama a esta nova funcionalidade de “ciência louca da fotografia computacional”, e os resultados estão à vista. Não só porque nos foi mostrado em plena Keynote, como o The Verge mostra agora mais dois exemplos.

Reparem no detalhe da roupa dos sujeitos! Aí nota-se mais a brutal diferença.

O resultado final promete ser fantástico, como pudeste ver nas imagens em cima.

Segundo o Tech Crunch, o Deep Fusion vai ser ativado automaticamente nas imagens capturadas, isto em situações específicas. Ele vai funcionar em conjunto com o modo noite em fotos tiradas com a lente grande angular. A ativação do Deep Fusion é variável e vai depender da fonte de luz na imagem. A Apple também revelou mais detalhes técnicos sobre o funcionamento do Deep Fusion, que pretendemos aprofundar mais tarde num artigo.

Agora é só aguardar que o Deep Fusion chegue para que o possamos testar.

3 Shares: