FAA proíbe transporte do MacBook Pro de 15” em todos os voos nos EUA

De acordo com a Bloomberg, a FAA (Federal Aviation Administration), proibiu o transporte dos MacBook Pro de 15″ elegíveis no programa de recall da Apple, em todos os voos nos EUA.

Recentemente a Apple detetou que o modelo anterior dos MacBook Pro de 15″ (mais especificamente nas unidades vendidas entre setembro de 2015 e fevereiro de 2017) possui um defeito na sua bateria, que provoca o sobreaquecimento da mesma e que pode posteriormente incendiar-se.

Dito isto e dado que a gravidade deste problema irá abranger uma larga escala de utilizadores e equipamentos, conforme te explicamos aqui, várias entidades parecem já estar a precaver- se para evitar possíveis acidentes.

Deste modo, todas as companhias aéreas dos EUA, receberam um comunicado emitido pela entidade reguladora FAA. Neste é indicado que os modelos do MacBook Pro de 15″ que ainda não procederam à substituição da sua bateria, não serão permitidos de transportar nos voos, como bagagem de mão, de porão e de carga.

Esta proibição, apesar de apenas ter sido implementada para já nos EUA, deverá ser brevemente extensível a território europeu. Surgem inclusive relatos de que algumas companhias aéreas, tais como a TUI Group Airlines, Thomas Cook Airlines, Air Italy e Air Transat, já receberam um comunicado da EASA (European Union Aviation Safety) a indicar que os passageiros que possuirem um MacBook Pro de 15″ não deverão utilizar o mesmo durante o voo, devendo este permanecer sempre desligado.

No entanto, será curioso verificar qual o procedimento que as companhias aéreas a nível mundial, irão utilizar para identificar quais os equipamentos que podem ser transportados e/ou utilizados. Algumas delas já estão inclusive a alertar os seus passageiros na porta de embarque e no interior do próprio avião. Contudo se já tiveres procedido à substituição da sua bateria, este equipamento será permitido de utilizar e transportar como qualquer outro equipamento eletrónico.

4 Shares: